Gestão de qualidade

O que fazer para ter uma gestão de qualidade eficiente na indústria? Você vai precisar de ações concretas, como as que estão neste conteúdo. Leia!

A sua indústria conta com uma gestão de qualidade? “Claro, eu sou um dos responsáveis!” Bem, nosso objetivo não é ir a fundo neste mérito. Gostaríamos mesmo é de ajudar em como ter uma boa gestão da qualidade — no caso da indústria, dos aspectos que interferem diretamente na produtividade e rentabilidade.

Mas, quais são os itens fundamentais para ter uma boa gestão da qualidade da empresa? O conteúdo que você vai acompanhar vai responder a essa e outras dúvidas que você provavelmente as tenha.

Continue lendo!

Você precisa planejar as suas ações

Fica muito mais complicado ter uma gestão de qualidade na indústria se as ações não forem planejadas! O planejamento permite que você avalie todas as possibilidades e se elas estão de acordo com os objetivos da sua empresa.

Ao planejar os processos de qualidade, é mais fácil atingir as metas e oferecer um produto de qualidade ao cliente. Sem contar que qualquer eventualidade terá uma resposta rápida.

Padronize os produtos

Uma das dificuldades mais recorrentes na indústria é a padronização de produtos. Ao comprar uma máquina ou equipamento, todos os produtos devem ser embalados iguais, a solda ter qualidade, entre outros aspectos.

Nesse processo, pode ser feito um comparativo entre o custo e a qualidade dos produtos. Assim, é possível fazer também uma projeção do quanto se investe para alcançar uma padronização qualificada.

Disponibilize treinamentos aos colaboradores

Você investe nas pessoas que trabalham na sua indústria? Não estamos falando apenas de salários, mas de oferecer treinamentos para aumentar a capacidade de produção e o conhecimento das pessoas.

Equipes bem treinadas rendem mais e exercem suas funções de forma precisa. Os resultados são a motivação dos colaboradores e produtos mais qualificados.

Disponibilizar treinamentos também é uma maneira de valorizar os profissionais que trabalham com você e melhorar a lucratividade.

Busque uma liderança dinâmica

Além da liderança dos gestores, uma indústria precisa de líderes em suas diferentes áreas. Procure lideranças com perfil dinâmico, mas que também tenham controle emocional para ajudar na resolução de problemas.

Com treinamentos e incentivos, a indústria consegue desenvolver lideranças capazes de tomar decisões e corrigir o que não está em seu devido lugar. Do mesmo modo, isso pode manter os demais colaboradores engajados com as metas da empresa.

Se o líder sabe equilibrar razão e emoção, ele ajudará em várias situações, desde a parte técnica até as de relacionamento com cada colaborador e os possíveis conflitos.

Faça automação dos processos de gestão de qualidade

Com um software de gestão de qualidade que atenda às necessidades da sua indústria, você consegue integrar todos os setores em um único lugar. A automação dos processos é uma “mão na roda” para as melhores decisões, já que elas serão tomadas baseadas em dados concretos.

Há softwares no mercado que agregam os processos de rotina para o controle de qualidade, ações preventivas e corretivas, gestão de não conformidades, laudos, gestão de documentos, entre outras questões importantes.

Tenha como uma de suas metas: ISO 9001 e ISO 14001

O ISO 9001 é a comprovação de que uma indústria tem qualidade! Que tal a sua empresa alcançá-la? Ou ela já tem? De qualquer maneira, adotar as boas práticas do ISO 9001 é um passo enorme para se ter uma gestão de qualidade eficiente.

Determine esse objetivo e repasse aos líderes de cada setor, incentivando-os a engajar todo o time. Estruture um plano de ação para se adequar aos requisitos que o ISO 9001 exige.

Para ter uma gestão de qualidade e de quebra conquistar o ISO 9001, adote também os seguintes princípios:

  • Mantenha o foco no cliente;
  • Tenha lideranças e envolva todos os colaboradores;
  • Faça abordagem por processo ou abordagem sistêmica;
  • Melhore de maneira contínua;
  • Tome decisões baseadas em fatos;
  • Se relacione bem com os fornecedores.

Outro objetivo que a indústria pode traçar é a conquista da norma internacional ISO 14001, que é uma extensão do ISO 9001. A norma ajuda você a reduzir os impactos ambientais e ainda ampliar os seus negócios.

Dica extra: use o programa gerencial PDCA

O ISO 14001 é baseado no ciclo PDCA, que em inglês significa “plan-do-check-act” – planejar, fazer, checar e agir. O ciclo utiliza terminologia e linguagem de gestão conhecida, oportunizando diversos benefícios à indústria.

O PDCA é o programa gerencial mais utilizado quando o assunto envolve a melhoria contínua e sistemática e a organização dos processos.

Veja quais são as etapas do PDCA:

  • 1ª Plan: planejar o aprimoramento do processo, definindo metas e os métodos;
  • 2ª Do: implantar o que foi planejado, oferecendo treinamentos para a execução dos métodos. Ainda nessa fase, deve-se coletar os dados que serão utilizados na fase de verificação;
  • 3ª Check: é hora de verificar se tudo saiu conforme o planejado, comparando os resultados alcançados com as metas;
  • 4ª Act: na quarta fase, deve-se identificar o que foi eficaz e padronizar. Do mesmo modo, é necessário agir corretivamente e buscar as causas de não ter atingido alguma meta.

Gestão de qualidade

 

Entendeu quais são os itens fundamentais para se ter uma gestão de qualidade eficiente? Ao seguir nossas dicas, temos certeza de que você tem tudo para se destacar no mercado.

Galeria de imagens